Estudantes pintam muro de escolas em ação da Copasa em Areado

Estudantes da cidade de Areado, no Sul do Estado, participaram no dia 18 de agosto da ação “Arte Chuá nas Escolas”. Sob a orientação de artistas plásticos, aproximadamente 60 alunos do 5º ano das escolas Doutor Joaquim Ribeiro Pereira e Doutor José Custódio de Oliveira pintaram nos muros das instituições desenhos feitos por eles durante as aulas sobre meio ambiente.

A iniciativa integra o Programa Chuá Socioambiental, promovido pela Copasa, com foco em atividades lúdicas que trabalham a sustentabilidade ambiental alinhadas à conscientização sobre a importância da preservação e recuperação dos mananciais.

As ilustrações feitas pelos estudantes e agora reproduzidas nos muros das escolas beneficiadas pelo Chuá Socioambiental refletem o aprendizado dos estudantes acerca do caminho percorrido pela água até que ela chegue às torneiras das residências.

“Com o Chuá, a gente aprendeu muitas coisas sobre nascentes e como cuidar do meio ambiente. Estou amando pintar a parede da minha escola, porque vai ficar uma lembrança muito legal. E com o assunto adquirido nas aulas, vou levar para minha vida e conseguir economizar água”, disse Eliza Ferreira de Ávila, que tem 11 anos e é aluna da Escola Municipal Doutor José Custódio de Oliveira.

Mikaelly Vitória dos Anjos Antônio Reis, 11 anos, aluna da Escola Municipal Doutor Joaquim Ribeiro Pereira, também disse estar gostando muito do projeto e das atividades do Chuá na instituição onde estuda. “Estou gostando muito de participar do projeto Chuá, de pintar o muro. Estou gostando de tudo”, afirmou.

A atividade também teve uma avaliação bastante positiva da secretária Municipal de Educação de Areado, Estela de Lima Silveira. “Por meio do Colmeia e do Chuá, as crianças têm a oportunidade de ter acesso à educação sanitária, educação ambiental, conhecer um pouco as nossas nascentes, conhecer de onde vem a nossa água e isso é extremamente importante”, destacou.

Ela também ressaltou a importância do contato dos estudantes com os artistas plásticos no trabalho de criação dos desenhos e também na pintura dos muros das escolas. “Queria falar também da relevância dos trabalhos dos artistas que fizeram as oficinas com as crianças nas escolas e tiveram a oportunidade de estarem interdisciplinando os conteúdos de artes com os conteúdos de educação ambiental. Só tenho a agradecer. Estou encantada com o envolvimento das crianças com o projeto”, disse.

Dedicação e recompensa

A pintura dos muros é uma premiação pelo ótimo desempenho que as escolas alcançaram durante atividades realizadas dentro do Chuá Socioambiental ao longo do ano letivo de 2018. A ação deveria ter acontecido em 2020, mas precisou ser interrompida em razão da pandemia da Covid-19.

Entre as atividades que levaram as escolas a receber a pintura dos muros e também o Selo Chuá de Escola Amiga do Meio Ambiente, entregue em 2018, os alunos participaram de gincanas com etapas relacionadas à reflexão e ao cuidado com o meio ambiente, como por exemplo a Feira do Desapego, com o objetivo de incentivar a doação e a troca de objetos em bom estado de conservação e que ainda podem ser reutilizados; a Feira Verde, com a troca de mudas de plantas; a campanha Lacre do Bem, quando foram arrecadados lacres de alumínio utilizados na troca por cadeiras de rodas para doação; e da arrecadação de óleo de cozinha usado, evitando que ele fosse descartado de forma inadequada no meio ambiente.

Sobre o Programa Chuá Socioambiental

Criado em 2017, o Chuá Socioambiental amplia a consciência ambiental dos alunos. O programa integra a Agenda ESG da Copasa, sigla que se refere às questões ambientais, sociais e de governança corporativa. Esse termo tornou-se uma forma de se referir ao que empresas e entidades estão fazendo para serem socialmente responsáveis, ambientalmente sustentáveis e administradas de forma correta.

O programa também está alinhado à Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU) e em seus respectivos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), além dos dez princípios do Pacto Global. No caso, o Chuá Socioambiental está alinhado ao ODS 6 (Água e Saneamento), que tem entre suas metas assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento.

Estudantes pintam muro de escolas em ação da Copasa em Areado

Copasa investe mais de R$1 milhão em

Estudantes pintam muro de escolas em ação da Copasa em Areado

Copasa participa de eventos em cidades da