Laboratório do Vale do Aço fez mais de 27 mil análises em 2022 para garantir qualidade de águas e efluentes

Para este ano, Copasa ampliará o monitoramento em novas Estações de Tratamento de Esgoto e de Resíduos nas gerências de Caratinga e Ipatinga

A Copasa, por meio do Laboratório Regional Vale do Aço (LRVA), realizou em 2022 um total de 27.753 análises de água bruta, água tratada e água residual nas gerências regionais de Caratinga (GRCA) e de Ipatinga (GRIP), garantindo a qualidade da água distribuída à população da região. Só no âmbito da GRIP foram 17.300 análises e outras 10.453 na GRCA.

E para este ano, visando sempre a qualidade de vida do cliente e o crescimento da empresa em sua área de atuação, a Copasa, por meio do laboratório, além de manter a rotina dos monitoramentos da qualidade de água e efluentes, prevê o monitoramento de novas Estações de Tratamento de Esgoto (ETEs) e também de novas Unidades de Tratamento de Resíduos (UTRs) que entrarão em operação em 2023.

Sediado em Coronel Fabriciano, o Laboratório Regional Vale do Aço conta com 13 colaboradores e, por meio dos setores físico-químico, microbiológico e hidrobiológico, realiza o monitoramento em 137 localidades da região. A estrutura realiza atendimentos às pesquisas operacionais, análises relacionadas às perfurações de poços e os controles de qualidade para garantir a validação dos resultados emitidos.

De acordo com a engenheira química do LRVA, Jeanny Keller, que também desempenha as funções de coordenadora de Laboratório e coordenadora da Qualidade do Sistema de Gestão ISO 17025, o trabalho desempenhado pelos profissionais no local impacta positivamente na vida de cada cidadão que consome a água fornecida pela Copasa.

“Trabalhar em um laboratório que possui o selo da acreditação junto à Coordenação Geral de Acreditação (CGCRE)/Inmetro é algo muito gratificante, ainda mais quando você faz parte dessa conquista. Com a implementação da norma ISO 17025 – norma de referência para laboratórios de ensaio e calibração no âmbito do mercado nacional e internacional – o Laboratório Regional Vale do Aço passou a realizar suas atividades de forma a assegurar a qualidade e a confiabilidade dos serviços prestados aos seus clientes”, disse.

 

Certificação  

Desde julho de 2021, o LRVA possui o “Certificado de Acreditação” emitido pela CGCRE/Inmetro, conforme disposto na ABNT NBR ISO/IEC 17025/:2017, onde foram acreditados 24 parâmetros analíticos (Ensaios Químicos e Biológicos).

Já no ano passado, após a auditoria, o Laboratório passou a ser reconhecido pelo Inmetro em 39 parâmetros do “Escopo da Acreditação – ABNT NBR ISO/IEC 17025.

Aeco promove festa do Dia do Trabalhador

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *