Obras da Copasa vão beneficiar mais de 11 mil moradores de Planura

Garantir o fornecimento de água de qualidade para a população de Planura, no Triângulo Mineiro, é uma prioridade da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) que, desde outubro de 2023, está investindo na melhoria do abastecimento da cidade para beneficiar os cerca de 11 mil moradores. As obras estão em andamento e devem ser concluídas ainda neste semestre.

No mês de outubro, uma nova Estação de Tratamento de Água (ETA) foi colocada em operação, um investimento de mais de R$ 300 mil. Com isso, a distribuição diária de água passou de 2,4 milhões para 2,8 milhões de litros, um aumento de 15% da produção, garantindo maior disponibilidade desse recurso para os clientes.

“Com maior disponibilidade de água, nas situações em que for necessário interromper o fornecimento para executar manutenções emergenciais ou de melhoria, depois que a distribuição for retomada a normalização ocorre de maneira mais célere”, ressaltou Cristiane Carneiro, superintendente da Copasa no âmbito da Unidade de Negócio Oeste (UNOE), que abarca 58 municípios no Triângulo, Alto Paranaíba e Noroeste mineiro.

Ainda com foco em aumentar a disponibilidade de água para os planurenses e consequentemente atendendo à solicitação da administração municipal para melhorar cada vez mais a prestação do serviço, outras ações estão em andamento. Uma nova balsa, estrutura avaliada em mais de R$ 40 mil, foi adquirida para ser implantada na captação e sustentar dois novos conjuntos motobombas, equipamentos que vão possibilitar aumentar o volume de água captada de 34,5 para 42 litros por segundo. As máquinas estão orçadas em aproximadamente R$ 55 mil.

A antiga Estação de Tratamento de Água (ETA) também está passando por manutenção. Ela irá se transformar em um reservatório, com capacidade para armazenar até 250 mil litros de água. Com isso, os clientes terão suporte durante períodos de maior consumo, eliminando as chamadas intermitências, situações em que a água acaba e retorna por várias vezes ou chega aos imóveis com baixa pressão.

O gerente regional, Júlio Cézar Silva, explicou o andamento dos processos. “A balsa deverá ser entregue no fim de março e instalada até o final de abril. As estruturas internas da unidade que se transformará em reservatório já foram retiradas e no momento estamos instalando vigas para cobrir a estrutura. Os próximos passos serão a instalação de uma elevatória, bomba que envia água para os imóveis, e a impermeabilização da estrutura, para prevenir vazamentos e garantir a qualidade da água. As intervenções devem levar cerca de três meses, tendo sua conclusão até o fim de junho”, detalhou.

Além dos investimentos constantes, manutenções e inspeções diárias também são realizadas, como visitas de rotina às unidades do sistema, limpeza periódica de reservatórios e substituições de redes de distribuição de água e registros que por ventura venham a ser danificados.

A Copasa opera o abastecimento de Planura desde 1979 e trabalha para evoluir a cada dia, a fim de oferecer excelência nos serviços prestados em cumprimento de seu propósito de cuidar da água e gerar valor para as pessoas.

Intervenções garantem um aumento de 15% na produção de água. Crédito da imagem: divulgação prefeitura municipal.

 

Obras da Copasa vão beneficiar mais de 11 mil moradores de Planura

Copasa participa do Combate ao Aedes aegypti

Obras da Copasa vão beneficiar mais de 11 mil moradores de Planura

Pacote de obras já soma R$ 11