Dia Mundial do Meio Ambiente é celebrado com trilha ecológica no Vale do Mucuri

Equipes da Copasa reuniram alunos no Ceam de Teófilo Otoni para aulas práticas sobre relação entre água e natureza

Em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado em 5 de junho, a Copasa realiza, no Vale do Mucuri, diversas atividades com instituições de ensino visando a conscientização ambiental dos jovens. A programação começou no mês de maio e se estenderá por todo o mês de junho com cerca de 10 atividades ligadas ao desenvolvimento ambiental.

Para marcar a data, na manhã desta quarta-feira (05/06) a equipe socioambiental da Gerência Regional de Teófilo Otoni, por meio do programa Chuá, juntamente com a Polícia Militar de Meio Ambiente, recepcionaram cerca de 100 alunos da Escola Estadual Prefeito Germano Augusto de Souza, no Centro de Educação Ambiental (Ceam).

Trilha ecológica no Ceam de Teófilo Otoni

Durante uma trilha ecológica, os estudantes foram envolvidos em atividades educativas e receberam orientações para a preservação do meio ambiente, bem como a relação entre a água e a natureza, as etapas de tratamento, os benefícios do esgoto tratado para a saúde da população, além da recuperação da fauna e da flora.

José Borges de Oliveira Junior, agente socioambiental da Copasa, ressaltou a importância de conversar com essas crianças, em família, sobre boas práticas de preservação do meio ambiente. “Essa conscientização começa dentro de casa. Os pais precisam ensinar seus filhos a separar o lixo e descartá-lo de forma correta. É importante educá-los para não jogar lixo no vaso sanitário e pia, pois somente assim vamos evitar poluir o meio ambiente e, principalmente, os rios onde captamos a água que recebemos em nossas casas”, alertou.

O Ceam de Teófilo Otoni está localizado em uma Mata Atlântica, ao lado da barragem do Rio Todos os Santos, na comunidade Cabeceira de São Pedro. Este cenário despertou a atenção e curiosidade dos alunos que tiveram uma aula prática em meio à natureza. “Neste dia queremos mostrar aos nossos alunos que o meio ambiente é todo o espaço em que convivemos. Por isso, a importância dessa conscientização e educação ambiental em casa, na escola ou aqui em meio a natureza”, ressaltou a diretora escolar Marilene Ramalho.

Conscientização ambiental em parceria com a Polícia Militar de Meio Ambiente

A estudante Maria Clara Altivo Dias, de 17 anos, do Instituto Federal do Norte de Minas Gerais (IFNMG), Campus Teófilo Otoni, visitou o Cem pela primeira vez. Para ela, a data é importante para dar visibilidade a pautas mundialmente discutidas envolvendo o meio ambiente. “Vivemos um contexto de crises climáticas. Ter um espaço redirecionado a essa temática é muito bom para reunir e discutir com entidades e instituições. Conhecer o Ceam me ajudou a ultrapassar a linha da educação teórica para um espaço prático”, afirmou.

Vale ressaltar que o Ceam é destinado a realização de debates, oficinas e atividades práticas relacionadas à temática ambiental e ainda dispõe de trilha ecológica. Em Teófilo Otoni, as instituições que tiverem interesse em conhecer o espaço precisa fazer contato nos canais de comunicação da Copasa e preencher um formulário agendando a visita. 

Como preservar o meio ambiente?

“As pessoas precisam parar de jogar lixo no vaso e na pia, pois estão contaminando o meio ambiente”. Laura Maria, 11 anos.

“Precisamos para com o desmatamento. Muitos animais estão vindo para a cidade e morrendo”. Pietro Botelho, 10 anos.

”Vou falar pra todo mundo parar de jogar lixo no meio ambiente e parar de fazer queimadas”. Luiz Gustavo, 10 anos.

”Poluindo o meio ambiente não teremos água limpa e também teremos poucos animais”. Paula Vitória, 10 anos.

Sobre o programa Chuá

Criado em 2017, o Chuá Socioambiental amplia a consciência ambiental dos alunos e forma cidadãos comprometidos com os valores ecológicos por meio das práticas de educação ambiental. O programa integra a Agenda ESG da Copasa, sigla que se refere às questões ambientais, sociais e de governança corporativa. Esse termo tornou-se uma forma de se referir ao que empresas e entidades estão fazendo para serem socialmente responsáveis, ambientalmente sustentáveis e administradas de forma correta.

O programa também está alinhado à Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU) e em seus respectivos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), além dos dez princípios do Pacto Global. No caso, o Chuá Socioambiental está alinhado ao ODS 6 – Água e Saneamento, que tem entre suas metas assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento.

 

Dia Mundial do Meio Ambiente é celebrado com trilha ecológica no Vale do Mucuri

Copasa mobiliza alunos da região Oeste em

Dia Mundial do Meio Ambiente é celebrado com trilha ecológica no Vale do Mucuri

Divinópolis vai receber mais R$ 12 milhões