Copasa investe quase R$ 18 milhões para ampliar capacidade do abastecimento em Fronteira

A turística cidade de Fronteira, na mesorregião do Triângulo, a 671 quilômetros da capital mineira, está recebendo da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) um investimento de mais de R$ 17,8 milhões. O objetivo é ampliar a capacidade do sistema de abastecimento de água, que irá beneficiar os cerca de 18 mil moradores em toda a cidade.

A previsão é que as obras, iniciadas em março de 2022, sejam concluídas no primeiro semestre de 2024. Desde o início das intervenções, 70 empregos diretos e indiretos foram gerados, contribuindo para a movimentação da economia no município.

Serviços devem ser concluídos no primeiro semestre de 2024

O gerente regional da Copasa, Júlio Cézar Silva, explicou como as intervenções contribuirão para melhorar o abastecimento de água para os fronteirenses. “Teremos mais quantidade de água reservada e também seremos capazes de distribuir esse recurso em maior volume. Assim, se precisarmos fazer alguma manutenção de melhoria ou emergencial, que necessite da interrupção no fornecimento, a recuperação do abastecimento ocorrerá de forma mais célere. Moradores que possuem caixas d’água podem nem sofrer os impactos”, ressaltou o gestor.

O projeto contempla melhoria e ampliação da elevatória de água bruta – bomba responsável por impulsionar a água do manancial de captação existente, localizado na Usina do Maribondo – Furnas, para a Estação de Tratamento de Água (ETA); construção de adutora de água bruta de 546 metros – rede de grande diâmetro por onde a água captada passa até chegar à ETA; instalação de dois novos reservatórios, sendo um no bairro Distrito Industrial e outro no bairro Veraneio que, juntos, poderão comportar até 300 mil litros. Essas unidades são locadas de acordo com critérios técnicos para armazenar a água que é tratada na ETA e direcioná-la às residências por meio das redes de distribuição.

O investimento também será usado na instalação de uma nova elevatória de água tratada – unidade que bombeia a água da ETA para os reservatórios; na melhoria e ampliação da capacidade de tratamento da ETA com a construção de cinco novas unidades que compõe o sistema de tratamento de água, assim como reforma de duas existentes; na implantação de 26.782 metros de redes de distribuição, entre substituição de redes

Juntos, os novos reservatórios poderão comportar até 300 mil litros de água.

obsoletas e assentamento de novas, que conduzem a água tratada até os imóveis; e na implantação de 1.000 transferências de ramais obsoletos e 200 novas ligações – pontos de conexão de casas e prédios às tubulações de fornecimento de água.

“Já implantamos 26 mil metros de redes de distribuição, 500 metros da adutora de água bruta e 3,5 mil metros da adutora de água tratada, além de 400 ligações prediais. Algumas interligações das novas redes com as existentes já foram feitas, possibilitando que elas consigam iniciar o seu funcionamento em carga. Aos poucos, os moradores já estão sendo beneficiados com a melhoria da pressão da água que chega em suas casas. Além das redes, dois dos reservatórios já foram instalados no bairro DI, e o outro que atenderá o bairro Veraneio já está em fabricação. Estão em andamento também as atividades na estação de tratamento e na captação em Furnas. Além da capacidade de tratamento e distribuição, a obra impactará diretamente no processo de tratamento, aumentando ainda mais sua qualidade,” contou a gerente de projetos, Natália Silva.

A Copasa assumiu a operação do abastecimento de Fronteira em 1982. Desde então, a empresa está constantemente mobilizada para melhorar cada vez mais sua estrutura, levando saúde, bem-estar e qualidade de vida à população por meio do saneamento, cumprindo o seu propósito de cuidar da água e gerar valor para as pessoas.

 

Obras serão finalizadas em 2024.
Cerca de 70 empregos diretos e indiretos foram gerados.
Copasa investe quase R$ 18 milhões para ampliar capacidade do abastecimento em Fronteira

Com investimento de R$ 190 mil, Copasa

Copasa investe quase R$ 18 milhões para ampliar capacidade do abastecimento em Fronteira

Copasa revitaliza Estação de Tratamento de Esgoto